Como criar o seu currículo em outro idioma

Hoje muitos brasileiros tem o desejo de morar fora do país e adquirir uma experiência cultural variada. Soma-se a isso o interesse de diversos países na mão de obra jovem de outros lugares, já que em muitos desses países os seus habitantes estão ficando velhos e não tem muitos jovens para ocupar a posição deixada por aqueles que estão se aposentando.

O Canadá, por exemplo, faz missões regulares no Brasil para mostrar as vantagens de se morar lá e recrutar aqueles que estejam interessados. Outra facilidade que o Canadá ofereceu foi retirar a necessidade de visto para entrar no País. Mais um ponto pra você tentar a sorte e começar a sua carreira internacional. Porém, para dar esse grande passo, você precisa garantir um emprego e pra isso um bom currículo é fundamental para se destacar em meio a concorrência.

O QueroWorkar irá te mostrar como criar um currículo de padrão internacional. Engana-se quem acha que basta traduzir o currículo que você tem em português. Nada disso, jovem Padawan. Você precisa prestar atenção nos detalhes para não perder essa oportunidade.

shutterstock_105273836Cover Letter

Uma boa apresentação é um diferencial no recrutamento internacional. Eles prezam, principalmente, que você conheça a história da empresa e que diga o porquê do seu interesse em concorrer aquela vaga, por isso que existe o cover letter.

O cover letter é uma carta que serve como apresentação do seu currículo. É uma carta fundamental na busca por emprego. Ela é um resumo das suas qualificações, e é através dela que o recrutador vai decidir se seu currículo vale a pena ser revisado ou não. Para escrever uma você deve seguir a seguinte ordem:

1) Introdução

2) Parágrafo 1 – Deve demonstrar uma razão pela qual você está escrevendo e não deve ser maior que uma linha.

3) Parágrafos 2, 3 e 4 – Mostram suas qualificações, educação, experiência prévia, qualidades e habilidades.

4) Parágrafo 5 – Parágrafo final que inclui, mas não somente frases-chave para terminar.

5) Nome completo (e website se tiver e for relevante para a vaga)

Até aí tudo parece simples e mecânico. O problema é que se você não levar essa pequena carta a sério, o futuro empregador também não irá te levar a sério e te contratar.

Dear Mr. James,

Please consider my application for the Media Coordinator. I am confident that this position matches with my interests, education and experience as you can see below.

With a Major in Advertising from Pontificia Universidade Catolica in Brazil and a Post Graduate Certificate in Strategic Relationship Marketing at George Brown College, Canada, I have training in marketing, advertising, data analysis, social media, SEO, and the development of marketing strategies. In addition, I possess a year of work experience as a Media Planner/ Buyer at an advertising office where I could improve my skills in planning, promotion, negotiation, selling, social media, organization, administration and Excel capability. I also have four months of Canadian experience in the marketing field working at the City of Toronto, in the Museums and Heritage Services department, where I worked as a marketer developing marketing strategies, analyzing web trends and creating social media assets. Furthermore, I am working part-time as Social Media Strategist at ABC Company, where I am developing my social media skills, SEO, keywords, marketing research and ROI.

I am a self and fast learning, willing to improve my skills in benefit of a company. I believe I am a good fit for your company because I am passionate about marketing and advertising, in special online marketing and media planning, I have interest in grow in a company.

Please review my resume and consider my request for an interview to discuss how my educational qualifications and skills would benefit your company. You can reach me at email and phone.

I look forward to meeting you for an interview where we can discuss more details.

Sincerely, Mariana Cimini

Para aprender mais detalhes de como fazer a sua cover letter eu sugiro você ler esse link1 e link2. Eles trazem informações completas de como fazer e o que não pode ser feito.

Currículo / Resumè

Depois que você fez uma excelente cover letter e o recrutador decidiu ver o seu currículo chegamos em uma parte que você deve prestar bastante atenção aos detalhes, pois diferente daqui, do Brasil, eles tem critérios bem distintos na hora de selecionar um candidato.

A primeira dica para fazer o currículo em inglês é organizar as informações em blocos. Geralmente a ordem é: dados pessoais; objetivo; um resumo das qualificações; experiência profissional; formação acadêmica e idiomas; cursos extracurriculares.

Personal Details – Essa é a primeira parte de seu currículo em inglês, é equivalente as informações pessoais nos currículos em português. Aqui você colocará suas principais informações pessoais.

– Nome completo / Full name (dica: coloque em um tamanho um pouco maior que as outras informações para destacar seu nome).

– Endereço / address (Note que não tem necessidade de traduzir o endereço).

– Telefone / phone.

– Celular / mobile.

– E-mail.

Objective / Objetivo: Headhunters e recrutadores gostam de candidatos que saibam o que estão buscando. Evite genéricos como Finance e Engineering ou frases feitas que não agregam muito valor. Ex: Desejo obter um desafio onde eu possa aplicar meus conhecimentos e me desenvolver como profissional. Seja direto e objetivo. Coloque a posição à qual está se aplicando. Ex: Marketing Director (Diretor de Marketing), Production Engineer (Engenheiro de Produção), Finance Manager (Gerente Financeiro).

Qualifications / Education ou Educational Background – aqui ficará sua formação acadêmica, os cursos que fez e que agregue valor a vaga que irá concorrer.

Mais uma vez, o candidato deve ser sucinto, inserindo apenas a instituição, graduação obtida e ano de conclusão. Exemplo:

– Executive MBA, FGV, 2010

– B.S. in Economics, UNICAMP, Will be concluded in 2009

O candidato deve fazer uso das abreviações. As mais usadas são: Phd – Doutorado, Msc – Mestrado e B.A. – Graduado (bacharel) ou B.S.

Datas e numerais

Também pedem atenção especial. Não confundir com o formato brasileiro – em inglês, o mês vem primeiro, depois o dia. Nos numerais, onde a vírgula é em inglês, o ponto é em português – e vice-versa.

Exemplo: 1.000,00 (português) / 1,000.00 (inglês)

Professional Experience ou Positions Held – Essa parte você reservará para as suas experiências profissionais. Empresas que trabalhou, atividades realizadas e resultados obtidos. O mais indicado é colocar na ordem cronológica decrescente (do mais recente para o mais antigo). O candidato deve inserir o nome da empresa, período de contratação e cargo. Para cada cargo exposto, tente colocar mais conquistas e realizações (de preferência quantitativas), como por exemplo:

Magazine Niterói, Rio de Janeiro – RJ, Brazil, Jan2002 – Oct 2007

Logistic Manager

– Saved more than USD 500K in logistics costs by restructuring the distribution centers. (Economizei mais de USD 500 mil em custos logísticos através da reestruturação de centros de distribuição).

– Decreased the inventory transit time from 55 to 30 days. (Reduzi o tempo de transporte do estoque de 55 para 30 dias).

– Reduced delivery delays by 50%, improving customer satisfaction. (Reduzi o atraso nas entregas em 50%, aumentando a satisfação do cliente).

Key Skills ou Language Skills –  Fale sobre suas  habilidades linguísticas, quais idiomas você tem o domínio. É muito comum as pessoas “mentirem” sobre o real conhecimento sobre outros idiomas, por isso é muito importante ter um certificado como o TOEIC, assim não haverá dúvida sobre seu real conhecimento da língua.

Apenas o idioma e nível são necessários. Exemplo:

– English – Advanced

– French – Intermediate

“É difícil classificar os nívels de fluência”.
A dica para driblar esse risco é tirar um diploma de proficiência em língua estrangeira, como o TOEFL (Test of English as a Foreign Language) e o IELTS (International English Language Testing System).

Extracurricular courses / Cursos extracurriculares- Segue o mesmo padrão do currículo em português, porém ficar atento as abreviações dos meses (Jan, Feb, Mar, Apr, May, Jun, Jul, Aug, Sep, Oct, Nov e Dec). Exemplo:

– Certification in cost management, K&H Training, Apr 2010

– Certification in Taxes, ABC Consultants, Nov2009

Other / Outros- Informações relevante que não se encaixam nos tópicos anteriores devem ser incluídas aqui. Ex.

  • Certification and Licences/Certificações e Licenças – Inserir apenas se for relevante à vaga;
  • International trips/Viagens: Inserir se for algo relevante, como estudo ou trabalho no exterior;
  • Volunteer work/Trabalho voluntário: Inserir principalmente em casos de pouca experiência profissional.
  • Expected Salary/Pretensão salarial: Inserir apenas se solicitado
  •  Awards/Prêmios: Inserir apenasse for relevante à vaga

Você pode perceber que existem algumas pequenas peculiaridades que você deve prestar bastante atenção na hora de fazer o seu currículo para se candidatar a uma vaga internacional. É por conta desses detalhes que não é bom você traduzir o seu currículo em português, esse é um dos erros mais comuns que os candidatos cometem ao fazer seu currículo em outro idioma, ou seja, não use serviços de tradução na Internet ou tradução online. Esse tipo de serviço, embora tenham melhorado muito com os anos, continuam a traduzir algumas partes de forma literal. Essa tradução pode não fazer sentido em outra língua, logo, evite utilizar este tipo de serviço. O melhor é que procure um curriculum escrito no idioma em questão e se esforce para adaptar o seu. “Fazer um currículo do inglês não é um trabalho de tradução”, afirma Carol Olival Trovó, diretora pedagógica do Wall Street Institute. “A orientação de currículo é diferente”.

Deixe o seu pensamento

Publicidade

Inscreva-se

Publicidade

Parceiros

QueroWorkar

O que é o QueroWorkar?

Dúvidas Frequentes

Anuncie Conosco

Contato